MPE, que Negócio é esse?


O Brasil é um país empreendedor, de um povo criativo e muito capital intelectual, exportador de commodities e tecnologias e que até o final da década de 1990 era caracterizado como um país "subdesenvolvido".

Em pouco mais de 20 anos, conseguimos entender que não somente de grandes empresas vive uma economia e que existem muito mais oportunidades entre o céu e a terra do que conseguimos imaginar.

Na última Segunda-feira, dia 05/10, comemoramos o dia da MPE (micro e pequena empresa), inclusive, o mês de outubro é caracterizado como o mês da MPE, cheio de eventos e comemorações.

Mas Bruno, que negócio é esse? Quem é esse tal pequeno negócio? Qual a sua importância para nossa economia?


Pequenos Negócios são empreendimentos com faturamento bruto anual de até R$ 4,8 milhões. Eles respondem por parte significativa da economia brasileira e se dividem em subgrupos de acordo com a atividade econômica, faturamento anual e número de empregados contratados.

Segundo a última pesquisa GEM de 2019, quase 99% das empresas ativas no Brasil são micro ou pequenos negócios, que até esse momento empregavam mais de 55% dos empregos formais e representavam 27% de nossos PIB.


Acontece que chegou 2020 e fomos acometidos por essa pandemia, resultando em umas crise mundial sem precedentes, impactando principalmente o varejo e os pequenos negócios.

Segundo o SEBRAE, são considerados micro ou pequenos negócios: MEI, ME e EPP.

MEI = faturamento anual bruto de até R$ 81 mil;

ME = faturamento anual bruto de até R$ 360 mil;

EPP = faturamento anual bruto de até R$ 4.8 milhões;


Esses pequenos negócios são verdadeiros herois, que com muito pouco produzem muito e transformam a geografia, a economia e a vida de onde estão inseridos, são eles que apesar de toda burocracia de nossas leis e estatutos, falta de acesso ao crédito e baixo investimento na classe, continuam a carregar nosso país nas costas.

Se vc tem um pequeno negócio e se identificou com nossa narrativa, eu tenho uma coisa a te dizer:

Continue firme, acreditando e trabalhando, acordando cedo e dormindo tarde, sem cessar nem desistir, de segunda a segunda, dia útil ou feriado, que tudo vai melhorar.


Já vejo políticas públicas direcionadas aos pequenos, instituições como SEBRAE, que diuturnamente não mede esforços para ajudar a desenvolver essa classe, leva firme a bandeira do empreendedorismo e da capacitação de nossos empreendedores em busca de dias melhores. Obrigado por sua companhia e até a próxima! Bruno Miranda - Especialista em Pequenos Negócios

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2020 by Bruno Miranda I Todos os direitos reservados